A te admirar (poesia de amor – qualquer tipo de amor)

No próximo sábado, dia 19, completamos – eu e meu príncipe – 11 anos de casados! Claro que essa data merece uma poesia de amor, né? (afinal, amo o pai do meu filho, lembram?)

Mas não uma poesia de amor qualquer: separei uma bem especial para comemorar essa data marcante. Não sei dizer muito bem por que, mas os versos abaixo são, para mim, uma música.

É engraçado, mas é bem assim: não consigo apenas “ler” esses versos. Quando eu começo a leitura, imediatamente meu cérebro começar a “cantar” as palavras, como se fossem mesmo a letra de uma música.

Por motivos que só Freud explica – ou talvez nem ele – nunca sentei para escrever essa melodia ou sua harmonia. Uma vez, cheguei a gravá-la, apenas para não esquecer tal melodia. Desnecessário. Meu cérebro insiste em cantá-la toda vez que leio a poesia.

Infelizmente, no momento, não tenho como compartilhar com vocês a música – quem sabe no futuro? Mas posso – e quero! – compartilhar a letra, ou seja,

a poesia de amor abaixo:

 

A te admirar

Levanto
Porque a vida me chama
Levanto
mas com vontade de ficar
na nossa cama

Paro
Apenas para te olhar
E percebo
Como é fácil te amar

Na penumbra morna
do nosso altar
Fico uns instantes
a te mirar, a te admirar

E o tempo para
naquele segundo
poque não há
imagem mais linda no mundo

Agradeço a Deus
por te ter
E por saber
como é bom viver

Talita
20/07/07

 

Para o meu príncipe, todo o meu amor e o desejo sincero de que ainda tenhamos muitos e muitos anos juntos. Para vocês, leitoras do blog, uma sugestão: nunca percam uma oportunidade de celebrar o amor verdadeiro!

 

Mesmo que não seja uma grande comemoração. Mesmo que não seja uma data marcante. O amor merece ser celebrado sempre! Fica a dica: compartilhem a poesia com o seu amor – seja ele seu marido, seu namorado, seu filho, ou outra pessoa.

 

poesia de amor pinterest

 

Só não esqueçam de dar o devido crédito, ok?

 

E para quem quiser, tem muito mais poesias de amor por aqui!

Tem poesia de amor para o marido: Amo o pai do meu filho. Poesia de amor para o filho: Meu Vinicius. E até amor de amiga: Para minha amiga grávida.

12 comentários em “A te admirar (poesia de amor – qualquer tipo de amor)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *