Gratidão por um dia tranquilo (poesia)

Gratidão. Hoje quero falar sobre isso: agradecer pelos pequenos milagres que acontecem todos os dias na nossa vida, mas nem sempre conseguimos parar e prestar atenção.

A poesia, para mim, é um transbordamento de emoção – quase sempre, emoções fortes: amor, medo, irritação, cansaço, celebração. É mais raro eu sentir necessidade de fazer poesia com sentimentos amenos.

Provavelmente porque emoções mais brandas já estão bem resolvidas – não precisam ser elaboradas em palavras para serem digeridas e interiorizadas.

Mas há dias “normais”, quando nada aparentemente extraordinário acontece, que me deixam imensamente feliz pelo simples fato de serem “normais”.

Sabe aquele dia comum, em que a gente acorda de boa com o despertador, toma um bom café da manhã, consegue se arrumar, arrumar o filhote e sair de casa no horário? Um dia tranquilo – e lindo, exatamente por esse motivo.

Em dias assim eu tenho vontade de agradecer – pela tranquilidade, por ter dado tudo certo, por tudo ter acontecido como deveria, no seu tempo, sem estresse.

Não, a vida não pode – e nem deve – se resumir a dias assim. Precisamos das fortes emoções. Crescemos em momentos de crise. Celebramos grandes conquistas. A vida é sim feita de altos e baixos – e gosto disso.

Mas hoje eu queria agradecer pelos dias tranquilos.

 

Dia tranquilo

Hoje não é nenhuma data especial
Não é aniversário, Páscoa ou Natal
Mas o dia foi tão bom desde o amanhecer
que não queria deixar de agradecer

Não acordamos com choro nem briga
Nos arrumamos e saímos sem nenhuma intriga
Escovasse os dentes e ficasse no colégio sem manha
E ainda me desse um beijo… emoção tamanha

Os dias contigo costumam ser carregados de emoção
E eu gosto quando assim o são
Mas hoje correu tudo numa imensa paz…
fiquei querendo que fosse assim mil vezes mais

Talita
14/03/2016
10:16
Obrigada, Deus
Obrigada, filho
Obrigada, meu príncipe

Qual o motivo da sua gratidão?

 

Ainda sobre gratidão, para quem quiser refletir um pouco mais, recomendo a leitura desse texto da querida Gabi Miranda, do blog Bossa Mãe.

 

E para quem busca mais poesias para aquecer o coração, é só clicar na categoria “poesia” lá em cima.
Tem poesia de amor: Amo o pai do meu filho. Sobre o cotidiano materno: Vida de mãe que trabalha fora. Poesia especial para o filhote: Meu Vinicius. E até para a hora do parto: Que tenhas uma boa hora.

6 comentários em “Gratidão por um dia tranquilo (poesia)

    1. Fico sempre me policiando para praticar a gratidão. E sou muito inspirada, nesse propósito, pelo Bossa Mãe.
      Gosto mesmo e indico mesmo! 🙂
      Beijos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *