4 anos sendo mãe: será que a maternidade só melhora?

O Vinicius completa 4 anos amanhã. 4 anos! Ultimamente, me percebo cada vez mais observando-o. Sim, é isso mesmo: de repente, quando me dou conta, eu estou parada no meio de algo que estava fazendo, simplesmente observando meu menino. Coisa que só mãe de uma criança de 4 anos consegue.

Crescer dói: a tal dor do crescimento (seu filho já sentiu?)

Seu filho sente a tal dor do crescimento? Já ouvisse falar sobre ela? Não, não é mito. A dor do crescimento é real. Nunca tive dúvidas de que crescer dói. A gente só cresce em momentos de crise e momentos assim costumam ser recheados de dor. Mas o quero dizer,

Férias em família: a convivência com tios e primos

Voltei a trabalhar ontem. Depois de deliciosas férias em família na praia! Estou naquele momento saudosista de adaptação, sabe? Quando eu era pequena, já era assim: férias era sinônimo de ir para a casa de praia e brincar com os primos, comer comida da vó, conviver com os tios. Meus

A mãe que fui em 2016 (revisando minhas resoluções)

Bem no finzinho de 2015, eu fiz uma lista tipo aquelas famosas resoluções de ano novo, sabe? Como os pontos tratados envolviam o mundo da maternidade, chamei de “A mãe que quero ser em 2016”. Hoje eu volto para contar sobre a mãe que fui em 2016. Sem enrolação, vamos

Fim de ano – fim de ciclo: abra espaço para o novo!

Estamos na última semana do ano, aquele momento típico das reflexões de fim de ano. Algumas pessoas gostam de fazer uma retrospectiva mental de tudo que passou. Eu sou dessas. Gosto de agradecer por todas as coisas boas que aconteceram durante o ano que está terminando. As vitórias, as conquistas,