Scrapbook para crianças: fazendo scrap com os pequenos

Toda sexta-feira cá estou eu falando de scrap por aqui. Mas hoje quero falar de algo mais específico: scrapbook para crianças.

Quando perguntei nas redes sociais sobre o que vocês gostariam de ver esse mês aqui no blog algumas pessoas pediram que eu falasse sobre atividades para fazer com as crianças em casa. Pois bem, minha dica é fazer scrap com elas!

As habilidades desenvolvidas em atividades artísticas são amplamente conhecidas e sabidamente devem ser estimuladas. Tanto que há “artes” no currículo escolar. E scrapbook é sim um tipo de arte.

Scrapbook para crianças desenvolve habilidades artísticas

scrapbook para crianças 02

Ao trabalhar com a tesoura, o manuseio da cola, a decoração de uma página, os pequenos estarão desenvolvendo sua coordenação motora fina, seu senso de espaço e estética. O melhor de tudo é que o trabalho acontece de forma prazerosa e lúdica!

Além dessa parte motora, a escolha das cores e a posição dos elementos, por exemplo, trabalha noções espaciais e estéticas. A criança precisa ter iniciativa, aprender a fazer escolhas, tomar decisões. Scrapbook para crianças é um bom treino nesse sentido por ser um trabalho manual. Em trabalhos manuais desse tipo não existe certo ou errado. Existe apenas a melhor escolha que o criador do projeto faz – é seu gosto pessoal.

Se algo não lhe parece muito bom, nada impede que seja “consertado”. Pode-se, por exemplo, cobrir um elemento do qual não se gostou com outro enfeite ou recorte de papel. Quão incrível é descobrir que podemos arrumar algo com o qual não estamos satisfeitos? Quem dera pudéssemos fazer isso com tudo na vida!

Scrapbook para crianças desenvolve habilidades linguísticas

scrapbook para crianças 01

Scrapbook nada mais é que uma forma de contar histórias. Dito de outro modo, fazer scrap é registrar a nossa história. É guardar de uma forma bem especial momentos importantes da nossa vida. Entendem a riqueza que é dar essa oportunidade para as nossas crianças também?

Os pequenos têm a chance de escolher um momento muito especial da vida deles para contar e deixar registrado. Poderão revivê-lo sempre que olharem para a página produzida. Poderão mostrá-lo para os amigos, professores, avós. É algo concreto que eles terão para sempre.

Ao escolher o título da página, pode-se trabalhar as letras e a produção escrita. Dependendo da idade da criança e do seu desenvolvimento, adequa-se a linguagem do scrap. Os menores podem contar sua história por meio de desenhos – autorais ou não (fazendo colagens, por exemplo). Os maiores podem, de fato, escrever palavras ou frases como journaling (journaling é a parte escrita de uma página de scrap).

Só de parar, escolher uma foto representativa, lembrar do contexto em que a foto foi tirada e ter a vontade de registrar esse momento já é um grande exercício para os pequenos! Estarão lidando com construção de memórias, desenvolvendo uma linha de raciocínio, estimulando a coerência e sequência de fatos, fazendo milhões de interligações neuronais.

É claro que todos esses conceitos não precisam (e nem devem!) estar conscientes para as crianças (e talvez nem para o adulto que as acompanhar). Os pequenos devem estar apenas se divertindo! Afinal, scrap serve para isso mesmo: para ser divertido!

 

Como fazer scrapbook para crianças:

1- Ofereça algumas fotos (no máximo 10) para que a criança escolha qual história quer contar

2- Ajude-a a relembrar o contexto da foto escolhida e pensar em palavras (de 3 a 5) que representem esse momento

3- Pré-selecione alguns papeis (de preferência da mesma coleção, para ajudar na harmonização) e peça que a criança escolha quais papeis e cores combinam com a foto

4- Ofereça alguns enfeites (botões, fitas, recortes de papel) para que a criança selecione quais combinam com os papéis e foto escolhidos

5- Peça que a criança arrume os elementos sobre um papel base da forma que melhor lhe convier

6- Deixe que ela faça a colagem e escreva as palavras para contar a sua história (ajude no que for preciso – somente se for preciso)

scrapbook -para -criançcas pinterest

A página resultante desse trabalho pode ir para um álbum de scrap ou ser emoldurada e fazer parte da decoração do quarto do pequeno, por exemplo. A gente se surpreende com o que eles são capazes de produzir!

 

Espero que esse texto e essas dicas ajudem vocês a fazerem muito scrap com os pequenos em casa! O melhor mesmo é cada um encontrar seu jeito próprio de se expressar e contar a sua história.

Ah! E claro que eu quero ver a produção dos filhotes de vocês! Não deixem de me mostrar, ok? Podem mandar por e-mail (talita@somelhora.com.br), me marcar no Instagram ou no Facebook.

Já fizeram scrap com os filhos por aí? O que vocês acharam dessa ideia de scrapbook para crianças? Conversem comigo!

8 comentários em “Scrapbook para crianças: fazendo scrap com os pequenos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *